23 C
Rio de Janeiro
Home Rio de Janeiro Passageiros do BRT reclamam de demora nos intervalos dos ônibus e superlotação

Passageiros do BRT reclamam de demora nos intervalos dos ônibus e superlotação

Usuários contaram que intervalo pode demorar até uma hora e que distanciamento mínimo não é respeitado. Passageiros reclamam de filas e demora no intervalo entre ônibus do BRT em Madureira
Passageiros do BRT reclamaram de demora nos intervalos entre os ônibus e de superlotação na manhã desta terça-feira (20) em Madureira, na Zona Norte do Rio. Segundo eles, a demora pode chegar a uma hora.
Por volta das 6h30, dezenas de pessoas que saiam do bairro rumo à Barra da Tijuca, na Zona Oeste, já enfrentavam filas. Uma linha que realiza o trajeto Madureira – Jardim Oceânico foi retirada e, por isso, outras duas que seguem até a Alvorada e o Recreio dos Bandeirantes ficaram sobrecarregadas.
Com a superlotação, os passageiros contaram que não conseguem manter o distanciamento necessário durante a pandemia do novo coronavírus.
“É muito cheio todos os dias. Sábado e domingo são os piores [dias]”, disse um usuário.
“Lotado, sempre lotado. Demora muito, uns 40, 50 minutos, quase uma hora”, afirmou outro passageiro.
Além dos problemas com os intervalos e ônibus cheios, as estações do BRT também sofrem com o vandalismo. De acordo com o consórcio que administra o sistema, 33 estações estão fechadas por depredação e roubo de equipamentos. Desde abril deste ano, 100 estações já foram danificadas.
No sábado (17), duas pessoas foram presas em uma estação do corredor BRT Transolímpica por suspeitas de tentativa de furto.
Vandalismo no BRT do Rio deixa 16 ônibus fora de circulação no 1º dia útil do ano
BRT registra 55 casos de furtos e vandalismo nos últimos 20 dias
Vídeos: mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias

- Advertisement -