16.9 C
Canoas
Home Política Aras informa ao STF abertura de apuração preliminar contra Bolsonaro

Aras informa ao STF abertura de apuração preliminar contra Bolsonaro

O procurador-geral da República, Augusto Aras, informou, na noite desta segunda-feira, 16, ao Supremo Tribunal Federal que determinou apuração preliminar para avaliar se a conduta de Jair Bolsonaro nos ataques ao sistema eletrônico de votação configura crime para justificar o pedido de abertura de inquérito.

A decisão de Aras é uma resposta ao STF depois de a ministra Cármen Lúcia ter cobrado, por duas vezes, uma manifestação da PGR sobre o pedido de investigação feito por parlamentares do PT. Ela abriu prazo de 24 horas para que o procurador-geral se manifestasse sobre as declarações do presidente da República em uma live no fim de julho, na qual, sem apresentar qualquer prova, usou várias notícias falsas e boatos já desmentidos pelos órgãos oficiais para atacar o sistema eleitoral brasileiro. Na opinião de Cármen Lúcia, o fato é muito grave e merece prioridade

Bolsonaro já é investigado no STF e no Tribunal Superior Eleitoral por fazer críticas às urnas. Além disso, o presidente já ameaçou não realizar as eleições em 2022 caso não fosse aprovada uma proposta de emenda à Constituição com voto eletrônico impresso. A Câmara dos Deputados rejeitou a PEC sobre o tema no último dia 10.

- Advertisement -

Conecte

0FansLike
7FollowersFollow