14.5 C
Canoas
Home Política Como Mourão está vendo as manifestações do 7 de setembro

Como Mourão está vendo as manifestações do 7 de setembro

A movimentação de apoiadores do governo e do próprio presidente Jair Bolsonaro em torno das manifestações programadas para o dia 7 de setembro está incomodando o vice-presidente Hamilton Mourão. Segundo interlocutores do general, ele está incomodado e preocupado com os conflitos que podem acontecer no dia da manifestação.

Mourão acredita que este é o momento de pacificar o país diante de todos os problemas que temos vivido e o empenho de Bolsonaro em incentivar os protestos eleva a tensão em um cenário que já é delicado.

Antes mesmo das manifestações acontecerem, o evento já gerou polêmicas e desgastes em várias instituições. Nesta semana, por exemplo, o governador de São Paulo, João Doria, decidiu afastar o comandante da Polícia Militar Aleksander Lacerda por indisciplina, depois de serem divulgadas mensagens do militar incentivando a participação nos atos a favor do governo.

Na semana passada, o cantor Sérgio Reis foi alvo de mandados de busca e apreensão por incitar caminhoneiros a pararem suas atividades em manifestação a favor de Bolsonaro.

Ainda não é possível saber qual será o tamanho da manifestação no dia 7. Por enquanto, é certo que muitos estragos já foram feitos. Para agravar a situação, pessoas contrárias ao governo também pretendem se manifestar no feriado. Com a polarização chegando a níveis preocupantes, é cada vez maior a chance de confrontos entre quem vai às ruas para protestar.

Nesta segunda, o governo de São Paulo decidiu que apenas bolsonaristas poderão utilizar a Avenida Paulista no dia 7. O objetivo é evitar conflitos.

A preocupação de Mourão faz sentido. Em um momento que pede paz e moderação, apoiadores do governo e o presidente da República inflamam a população a irem às ruas para defender suas pautas, independentemente do que esses atos podem gerar.

- Advertisement -

Conecte

0FansLike
7FollowersFollow