24 C
Canoas
HomeRio de JaneiroCriminosos furtam 30 quilômetros de cabos por mês; Rioluz diz que prejuízo...

Criminosos furtam 30 quilômetros de cabos por mês; Rioluz diz que prejuízo mensal chega a R$ 100 mil

De acordo com a Rioluz, quantidade de fios levado pelos bandidos equivale à distância entre o Caju, na região Portuária, e Bangu, na Zona Oeste. Criminosos furtam 30 quilômetros de cabos por mês no Rio
O prejuízo com o furto de cabos vem causando prejuízo aos cofres públicos do Rio que chega a R$ 100 mil por mês.
De acordo com a Rioluz, da Prefeitura do Rio, todos os meses são trocados cerca de 30 quilômetros de cabos na cidade referente a fios furtados, o equivalente a distância entre o Caju, na região Portuária, e Bangu, na Zona Oeste.
Na Avenida Brasil, altura de Manguinhos, tem mais fio no chão do que no poste. O furto de cabos afeta a mobilidade urbana e deixa a cidade mais insegura.
Ruas ficam no escuro
Esse tipo de crime tem feito desaparecer cabos de energia que ligam os postes de luz por todos os bairros para manter as ruas iluminadas à noite.
“Em vias importantes, como a linha vermelha, avenida brasil e os túneis da cidade, nós estamos blindando o cabeamento pra dificultar a ação dos marginais que furtam a nossa rede. eu tenho certeza que, em pouco tempo, o cidadão vai poder observar uma melhora na qualidade da iluminação da cidade”.
Já em relação aos furtos de fios de equipamentos de sinais de trânsito, a CET-Rio diz são mais comuns no grande Méier e Tijuca.
Em seguida, aparecem no levantamento os outros bairros da Zona Norte como São Cristóvão, Barra, Jacarepaguá e Centro. A Zona Sul e o restante da Zona Oeste são as regiões da cidade com menos ocorrências do tipo.
Sinais de trânsito apagados
Tem morador que se queixa de ficar sem internet e telefone. Outros dizem que ficam com receio de andar pelas ruas com os sinais de trânsito sem funcionar.
Um morador de Vila Isabel, que prefere não se identificar, se queixa da situação. “Ali no cruzamento, no Largo do Jacaré, quem vai pro túnel Noel Rosa e quem vem do túnel Noel Rosa não existe mais sinal. Não existe. Ali é uma tragédia anunciada. Ali é um fluxo muito grande de carros, então, ali vai ser uma tragédia anunciada se não consertarem aquele sinal ou tomarem uma providência”.
Segundo moradores, os sinais que não funcionam mais entorno da comunidade do Jacaré são frurto do roubo de cabos na região.
Força-tarefa
O problema também afeta a linha férrea da cidade. O governo do estado até criou uma força tarefa que prometeu reforçar a segurança na linha férrea.
Em uma operação nesta segunda (6), PMs e agentes da Prefeitura do Rio foram da Central do Brasil até a Mangueira, na tentativa de combater os furtos. Policiais apreenderam uma réplica de pistola, pequenas facas, estiletes e tesouras.
Desde semana passada, passageiros do ramal de Japeri precisam esperar mais para pegar os trens. A previsão é que a situação só seja normalizada na sexta-feira (10). Nas ruas, a reclamação também é geral. O conserto dos sinais demora muito, o que prejudica motoristas e pedestres.

- Advertisement -spot_img

Conecte

0FansLike
7FollowersFollow