20.4 C
Rio de Janeiro
Home Mundo Em vídeo à CNBB, Papa Francisco pede união em momento crítico

Em vídeo à CNBB, Papa Francisco pede união em momento crítico

Em um vídeo de 7 minutos enviado à 58ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o Papa Francisco pregou “unidade e reconciliação” no que classificou como “um dos piores momentos da história” do país, em meio à crise da pandemia de Covid-19. Logo no início, o líder católico pede desculpas por enviar a mensagem em espanhol e não em português: “Mas entre Brasil e Argentina há um idioma que todos entendemos, o ‘portunhol’. Assim, vocês vão me entender”.

O Pontífice começa a mensagem dizendo estar próximo a todas as centenas de milhares de famílias que choram a perda de um ente querido. “Jovens, idosos, pais e mães, médicos e voluntários, ministros sagrados, ricos e pobres: a pandemia não excluiu ninguém no seu rastro de sofrimento”, disse ele.

Depois de destacar que a celebração da Páscoa e a ressurreição de Jesus Cristo “renovam a esperança em nossos corações”, Jorge Mario Bergoglio voltou a falar da necessidade de superar as divisões em prol do bem comum, e pediu que a Igreja Católica no Brasil “seja instrumento de reconciliação e de unidade”.

Essa é a terceira mensagem que Francisco envia ao Brasil em 2021 para falar sobre a pandemia. A primeira delas foi em 20 de janeiro, durante a tradicional audiência geral no Vaticano, quando lamentou o “momento difícil” vivido por Manaus com o colapso na rede hospitalar. Em 17 de fevereiro, o líder católico também lembrou da crise sanitária na mensagem enviada para o início da Campanha da Fraternidade da CNBB, na qual também pediu a “superação das divisões”.

Continua após a publicidade