16.9 C
Canoas
Home Rio de Janeiro Paes comemora vacinação do filho adolescente, e seguidora pergunta: ‘Tá solteiro?’

Paes comemora vacinação do filho adolescente, e seguidora pergunta: ‘Tá solteiro?’


O município começou nesta quinta (26) a imunizar adolescentes, com as meninas de 17 anos, e nesta sexta (27) é a vez dos garotos. O calendário prossegue na semana que vem. Eduardo Paes registra vacinação do filho mais velho, Bernardo; Daniel Soranz aplicou a dose
Reprodução/Twitter
O prefeito do Rio, Eduardo Paes (PSD), comemorou nas redes sociais nesta sexta-feira (27) a vacinação do filho mais velho, Bernardo, de 17 anos. Logo em seguida, uma seguidora perguntou: “Tá solteiro?”
“Hoje foi dia do meu filhão vacinar. Seguimos firmes! Obrigado, Daniel Soranz e Ministério da Saúde”, postou o prefeito. Coube ao secretário de Saúde aplicar a primeira dose em Bernardo.
O município começou nesta quinta (26) a imunizar adolescentes, com as meninas de 17 anos, e nesta sexta (27) é a vez dos garotos. O calendário prossegue na semana que vem.
Calendário de vacinação no Rio divulgado nesta quinta-feira (26)
Reprodução
Calendário de vacinação no Rio divulgado nesta quinta-feira (26)
Reprodução
Repescagem geral por idade
O Rio terá, a partir de setembro, uma repescagem geral da vacina da Covid para todas as idades, em paralelo à aplicação da primeira dose em adolescentes. De acordo com a prefeitura, 30 mil idosos ainda não tomaram nem sequer a primeira dose do imunizante.
Na manhã desta sexta (27), o prefeito Eduardo Paes (PSD) destacou que a vacinação é fundamental para a retomada de todas as atividades e alertou que as pessoas que não se vacinaram ficam expostas e colocam a todos em risco.
“Quase 200 mil pessoas não foram tomar a segunda dose. Onde é que essas pessoas estão com a cabeça? Elas estão andando na Terra Plana e aí, de repente, caíram do outro lado e não voltaram? Vamos nos conscientizar e tomar a vacina.”, disse Paes durante a apresentação do 34º Boletim Epidemiológico.
Segundo ele, outro motivo de preocupação são idosos que nem sequer tomaram a primeira dose da vacina.
“Trinta mil idosos na cidade do Rio de Janeiro ainda não tomaram a primeira dose. Esse é um percentual pequeno em relação ao total de idosos? Sim. Mas são 30 mil pessoas com mais de 60 anos expostas à Covid sem nenhuma proteção e que deverão ocupar os leitos hospitalares. Quem não se vacinou coloca todos em risco”, garantiu.

- Advertisement -

Conecte

0FansLike
7FollowersFollow