21.6 C
Rio de Janeiro
Home Rio de Janeiro Bicicleta: a estrela da casa

Bicicleta: a estrela da casa

Bora pedalar? O tema hoje é para os amantes das magrelas de duas rodas. Isso mesmo. A tribo do pedal.

Há anos, andar de bicicleta deixou de ser apenas uma atividade de lazer para os amantes do esporte. Cada vez mais pessoas, principalmente nos centros urbanos, tem deixado seus carros, ainda muito poluentes, de lado e aderido à bicicleta como principal meio de transporte, conjugando assim uma vida mais saudável com a diminuição da poluição ambiental. Nosso planeta agradece! E o bem-estar e qualidade de vida também!

O conceito da bicicleta surgiu com um desenho de Leonardo da Vinci de aproximadamente 1490, mas sua invenção foi atribuída ao alemão Barão Karl Drais, engenheiro agrônomo, que idealizou o primeiro velocípede, uma versão primitiva da bicicleta, ainda sem pedais. O ferreiro escocês Kirkpatrick MacMillan introduziu os pedais em 1839, mas o primeiro modelo de bicicleta como a conhecemos hoje foi fabricado pelo inglês Thomas McCall, cerca de 30 anos depois. Trazidas da Europa, as primeiras bicicletas chegaram ao Brasil apenas por volta de 1898.

Hoje a Holanda é conhecida e famosa como o país dos ciclistas, onde 9 em cada 10 pessoas usam sua bicicleta como parte do seu dia a dia e em viagens. Outros países da Europa, Japão e China estão entre os dez países com maior população de bicicletas per capita no mundo.

Se você aderiu à bicicleta, mas ainda pensa que lugar de bicicleta é no bicicletário ou na garagem, ou acha que seu apê é pequeno demais e ela ocupa muito espaço, ou acha que ela deve ficar escondida na área de serviço para não atrapalhar a decoração da sua casa, vou te ajudar a pensar fora da caixa e incorporar a sua bike na decoração da sua casa.

Além de garantirem mais personalidade ao espaço, as bicicletas trazem um ar jovem, moderno e estiloso ao ambiente. Adoro uma decoração com personalidade!

Bicicleta no hall de entrada. Prático para o dia a dia.arquivo pessoal/Reprodução

Deixe sua bike reinar na sala. Deixe ela ser a protagonista da casa. Colocadas na sala de estar, elas ficam lindas e práticas para o dia a dia e podem ser facilmente usadas. A ideia também é fazê-las reinarem e se tornarem a estrela da casa.

Bicicleta fazendo parte da decoração da sala.arquivo pessoal/Reprodução

Se você comprou uma bicicleta nova, mas ainda tem um apego àquela antiga, não há necessidade de descartar. Com a ajuda de um suporte no teto, você pode colocar sua bicicleta antiga junto com a nova. E vamos combinar que a bicicleta vintage é um charme total. Eu adoro!

Continua após a publicidade

Você também pode usar cabos de aço que dão a sensação de a bicicleta estar flutuando. Os ganchos de rede também são uma ótima opção e mais em conta. E também temos os nichos de suporte de parede. O bacana desses nichos é que você pode ainda pendurar chaves, capacete e ainda outros objetos de decoração. Multifuncional, né?

Nichos que servem para pendurar a bike e o capacete.reprodução/Internet

Os suportes ajudam o piso a ficar mais livre para a circulação e, elevando a bicicleta, fica mais fácil para limpar o chão. Para os neuróticos por limpeza isso é tudo de bom!

Tanto o gancho, quanto o aço e o suporte podem ser colocados em qualquer ambiente da sua casa, seja no hall de entrada, na sala, no quarto ou até na cozinha. O único cômodo que não indico seria o banheiro. Não preciso nem explicar o motivo… Rsrs.

Se você quer torná-la a protagonista da casa, invista em uma iluminação voltada para a bike. Pode ser um balizador na parede, trilhos ou spots no teto. Está podendo gastar um pouco mais? Maravilha! Escolha um revestimento para sua parede: pode ser o tijolinho, tecnocimento ou, se quiser ousar um pouco mais, um grafite na parede inteira. Fica super cool! Et voilà, sua bike vai chamar bastante atenção e trazer um estilo esportista-ambientalista que está super na moda nos tempos de hoje.

Outra opção para quem tem escada em casa é aproveitar o vão da escada, que normalmente é considerado um espaço “morto”, sem funcionalidade e mal aproveitado. Ele pode ser o local ideal para acomodar a sua bicicleta com criatividade.

Se você tem o privilégio de ter uma varanda, coberta ou não, pode guardar sua bike e inclusive pedalar em casa apreciando a vista se você tiver um suporte apropriado.

Pedalando olhando o mar.arquivo pessoal/Reprodução

Independente do tipo de suporte e iluminação que você escolher, o mais importante é não atrapalhar a circulação da casa e saber que você não precisa esconder sua bicicleta no bicicletário do seu prédio. Ela pode se tornar a estrela da sua casa.

 

Continua após a publicidade