23.9 C
Rio de Janeiro
Home Rio de Janeiro Eduardo Paes dá bronca sobre aglomerações: ‘Inadmissível tanta gente sem consciência’

Eduardo Paes dá bronca sobre aglomerações: ‘Inadmissível tanta gente sem consciência’

Nesta sexta (19), ao divulgar o sétimo boletim epidemiológico do município, o prefeito do Rio, Eduardo Paes (DEM) criticou arduamente o comportamento de moradores de áreas mais nobres do Rio em meio à pandemia do novo coronavírus. Seis regiões administrativas mantiveram o risco alto de contaminação, a maioria delas instaladas na Zona Sul e Oeste (Copacabana, Lagoa, Tijuca, Vila Isabel, Barra da Tijuca e Rocinha). Apesar da diminuição no número de regiões administrativas neste estágio, toda a cidade foi mantida no nível vermelho por precaução, uma vez que houve a confirmação de circulação de novas variantes do vírus.

+Covid-19: segunda dose da vacina começa a ser distribuída no Rio

“No mapa de cima temos como estava a situação da cidade em cada região administrativa na semana passada: todas as áreas em risco alto. No mapa abaixo vemos como é a situação nessa semana: a maior parte da cidade passou para o risco moderado. O mais incrível desse mapa é que notamos que o risco alto continua nas áreas mais nobres da cidade, enquanto as outras áreas diminuíram. Ou seja, aqueles que têm mais condições materiais (carro próprio, teletrabalho e outras) de evitar o contágio são justamente os que apresentam o maior risco de contrair a doença”, disse o prefeito, que postou a mensagem nas redes sociais.

+Xô, Covid-19: Búzios zera número pacientes internados com a doença

“Decidimos manter a cidade toda no alto risco mas não é possível e admissível que tenhamos tanta gente ainda sem consciência. Vamos continuar fiscalizando e agindo contra irresponsáveis”, completou.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade