11.1 C
Canoas
Home Economia Google e Facebook anunciam plano de novo cabo de internet submarino para...

Google e Facebook anunciam plano de novo cabo de internet submarino para a Ásia


Cabo de cerca de 12.000 quilômetros deve começar a operar em 2024 se aprovado pelas autoridades regulatórias. Marea, o cabo submarino de 6 mil km que Facebook e Microsoft instalaram entre EUA e Espanha.
Divulgação/Microsoft
Google e Facebook anunciaram nesta segunda-feira (16) planos de implantar um novo cabo submarino de internet conectando Cingapura, Japão, Guam, Filipinas, Taiwan e Indonésia.
O projeto, apelidado de Apricot, prevê um cabo de cerca de 12.000 quilômetros que estará operacional em 2024, sujeito à aprovação das autoridades regulatórias, afirmaram ambas as empresas em comunicados separados.
Leia mais:
Entenda como o cabo submarino entre Brasil e Portugal pode mudar sua internet
Google construirá novo cabo submarino de internet para ligar América Latina e EUA
O projeto, anunciado por empresas americanas e parceiros regionais e globais, “trará a capacidade, a repetibilidade e a confiabilidade da Internet essenciais para expandir as conexões na região da Ásia-Pacífico”, disse o gerente de engenharia do Facebook, Nico Roehrich.
“O cabo Apricot é parte de nosso esforço contínuo para expandir a infraestrutura de rede global e servir melhor às mais de 3,5 bilhões de pessoas em todo o mundo que usam nossos serviços a cada mês”, acrescentou Roehrich.
No início deste ano, as empresas anunciaram outro projeto de cabo chamado Echo, que conecta Estados Unidos, Cingapura, Guam e Indonésia.
“Os cabos Echo e Apricot são sistemas submarinos complementares que proporcionarão benefícios com várias rotas dentro e fora da Ásia, incluindo rotas únicas através do Sul da Ásia, garantindo um grau significativamente maior de resiliência para o Google Cloud e serviços digitais”, disse o vice-presidente do Google Cloud, Bikash Koley.
Google e Facebook suspenderam este ano o progresso de um projeto de cabo submarino que conectaria a Califórnia e Hong Kong devido às tensões entre os Estados Unidos e a China. O Departamento de Justiça dos Estados Unidos recomendou em 2020 que o cabo proposto pelo Google e pelo Facebook evitasse Hong Kong.

- Advertisement -

Conecte

0FansLike
7FollowersFollow