16 C
Canoas
Home Rio de Janeiro Prefeitura do Rio define empresa para trocar guarda-corpo da Ciclovia Tim Maia;...

Prefeitura do Rio define empresa para trocar guarda-corpo da Ciclovia Tim Maia; obra custa R$ 4 milhões

Trecho entre São Conrado e Barra da Tijuca vai ter grades de ferro substituídas por outra de resina e fibra de vidro. Obra será realizada em 120 dias. Prefeitura do Rio vai gastar mais R$ 4 milhões para trocar grades da Ciclovia Tim Maia
A Prefeitura do Rio vai gastar R$ 4,1 milhões para trocar parte das grades de proteção da Ciclovia Tim Maia, no trecho entre a Barra da Tijuca, na Zona Oeste, e São Conrado, na Zona Sul, passando pelo Elevado das Bandeiras.
A vencedora da licitação para a execução do serviço foi a empresa Zala Engenharia. A obra deve começar nos próximos dias e tem previsão de durar 120 dias.
O guarda-corpo, que antes era de metal, era constantemente furtado. Agora vai ser substituído por barras de resina com fibra de vidro, material que não tem valor comercial.
O trecho da ciclovia que está sem proteção está interditado desde 7 de maio. Mas sem fiscalização, é utilizado frequentemente por ciclistas e pedestres.
LEIA TAMBÉM:
Ciclovia Tim Maia segue sendo alvo de depredação; ladrões serram barras de ferro para vender ilegalmente
Queda da Ciclovia Tim Maia: Envolvidos no projeto e na construção da pista são condenados
‘Está perigoso demais’, alerta ativista que acompanha situação da Ciclovia Tim Maia

- Advertisement -

Conecte

0FansLike
7FollowersFollow